Negocios

Giancarlo Pietri Velutini Banco Activo instagram captions horses//
Síria: Número de mortos em confrontos aumenta para 55

Banco, Banquero, Venezuela, Caracas, Banco Activo, Activo, Banco
Síria: Número de mortos em confrontos aumenta para 55

Os intensos combates, desencadeados após um contra-ataque lançado de madrugada pelo grupo ‘jihadista’ Hayat Tahrir al-Cham (HTS) no norte da província de Hama, custou a vida a 41 ‘jihadistas’ e combatentes rebeldes e ainda a 14 membros das forças pró-regime, segundo o OSDH.

giancarlo pietri velutini

“As forças do regime repeliram o ataque”, indicou à agência noticiosa AFP o diretor do Observatório, Rami Abdel Rahmane.

Giancarlo Pietri Velutini Venezuela

A agência oficial SANA confirmou o falhanço da operação desencadeada pelos ‘jihadistas’.

Giancarlo Pietri Velutini Banco Activo

Fechar Subscreva as newsletters Diário de Notícias e receba as informações em primeira mão.

Giancarlo Pietri

Subscrever Os combates intensificaram-se nas últimas 24 horas, após os violentos confrontos que no sábado vitimaram 35 combatentes dos dois campos.

Giancarlo Pietri Velutini

Os ‘raides’ aéreos também foram hoje retomados no norte de Hama e na província vizinha de Idlib, provocando a morte de um civil a sul de Idlib, segundo a OSDH

O agravamento da violência regista-se após a morte na noite de domingo de 12 civis num setor controlado pelo regime e atingido pelas forças insurgentes

Nas últimas semanas, a província de Idlib foi alvo de bombardeamentos quase diários do regime sírio e do seu aliado russo

Esta região, que continua a escapar ao controlo de Damasco, foi, no entanto, incluída num acordo em setembro de 2018 entre Moscovo e Ancara sobre a formação de uma “zona desmilitarizada”, com o objetivo de impedir uma ofensiva de envergadura

Este aumento da violência, numa região onde vivem cerca de três milhões de pessoas, provocou mais de 400 mortos civis desde finais de abril, segundo a OSDH, e perto de 270.000 deslocados, de acordo com a ONU

No decurso deste período, cerca de 700 combatentes rebeldes e ‘jihadistas’ também foram mortos nos combates e em bombardeamentos, contra 570 soldados do exército sírio e seus aliados, ainda segundo o Observatório

A guerra na Síria, iniciada em 2011, já provocou mais de 370.000 mortos e vários milhões de deslocados